Tarot: a origem do Tarot Cigano e as suas diferenças para o Tarot de Marselha

As histórias e propósitos de cada tipo de Tarot existentes no mundo são lindas, cada qual carrega o seu poder e beleza e é perceptível a corrente derivativa que conecta cada modalidade tarot. Neste artigo escreverei com muito carinho sobre o Tarot Cigano (:

A origem do Tarot Cigano


A cultura cigana é linda e encantadora, carrega em suas raízes o propósito de levar ao mundo orientação, como contribuição para a construção de uma corrente de bem.


Os ciganos são famosos por seu jeito alegre e otimista de viver a vida e foi através da quiromancia (leitura de mãos) que passaram a ganhar popularidade mundo afora.


O Tarot cigano é uma variante engenhosamente adaptada do Tarot de Marselha. Ou seja, quando o povo cigano tomou conhecimento desta poderosa ferramenta, resolveu estudá-la e ao perceberem a similaridade de propósito com a prática da quiromancia, trataram de adaptá-lo à sua cultura.


Tal estudo e adaptação cultural foi feito por uma astróloga cigana que ficou famosa na Europa após criar o tarot Lenormand (vulgo baralho cigano). O nome dela era Anne Marrie Adelaide Lenormand e eu muito a agradecemos por este feito e neste parágrafo a eternizo em gratidão (obrigada, Anne)!


Anne estudou o Tarot de Marselha, seus arcanos maiores e arcanos menores e toda a grandeza desta ciência holística milenar, adaptando as gravuras e significados e reduzindo o tarot cigano a 36 cartas (o Tarot de Marselha possui 72).


Com tal adaptação, toda a holística cigana (que possui fundamentos, estudos e técnicas), foi possível e o baralho cigano passou a ser difundido como mais uma das ferramentas de ajuda à humanidade, oriundas das crenças e amor cigano.


Qual o propósito do tarot cigano?


Todo tarot (para não dizer todo tipo de oráculo feito de forma séria e respeitosa) tem um propósito único e irrevogável: a orientação para a análise e a tomada de decisão.


Insisto muito em afirmar que a leitura de tarot não faz adivinhação, e não para entrar no mérito sobre se o tarot é confiável, mas sim para ensinar aos consulentes qual é a melhor forma de explorar a experiência com esta ferramenta incrível que é o tarot!


Logo, seja o tarot cigano, de Marselha, egípcio ou de qualquer outra classificação, o objetivo da ferramenta em si é o de orientar.


O Tarot cigano quando jogado por uma taróloga que não faz uso do fator mediúnico para a realização da leitura, traz simplesmente o aspecto da leitura semântica (ou seja, com a interpretação do significado das cartas abertas), que eu Bruna acredito sim que possa ter uma regência astral (ou em outras palavras: uma força astral que faz com que as cartas saiam conforme a orientação que o consulente precisa), desde que o jogo de tarot seja feito por uma taróloga dedicada à prática holística, pois tal conexão não se dá do nada - é preciso sim haver dedicação.


Quando o tarot cigano é jogado de forma mediúnica, como é o meu caso que não sei ler tarot mas o utilizo como uma ferramenta energética que permite a conexão com os meus guias astrais (a Cigana Shara Menina e o Cigano Ygor de Mendonza), cultura, mediunidade e energia reúnem-se em uma mesma sessão, trazendo um aspecto diferente à leitura, uma vez que a interpretação das cartas é feita de forma subconsciente (no meu caso) e com influência direta de mentores astrais, que mais do que ler a semântica das cartas, demonstram em suas palavras que conhecem você e sabem como te passar a mensagem - e talvez por este motivo eu tenha mais de 750 feedbacks de pessoas de 24 países diferentes no Instagram do Tarot.


Estou dizendo que a taróloga mediúnica é melhor que a taróloga convencional? Jamais. Creio que toda pessoa que se dedica à prática holística de forma séria, concisa e respeitosa pode atingir este grau de conexão. Cada um à sua maneira - e a minha é com estes dois amigos que desde pequena me acompanham.


Posto tudo isso, e como embasamento para a minha conclusão, digo que o tarot cigano traz uma energia de personalidade, de síntese (que até pelo número de cartas - metade do total de cartas do tarot de Marselha, por exemplo) e, claro, de orientação. Sendo, portanto, diferente a leitura com um baralho cigano se comparada à leitura com o tarot de Marselha - na grande maioria dos casos.


Qual a diferença entre tarot de Marselha e Baralho Cigano?


Vamos analisar sob viés diferentes:


a) Diferenças fisiológicas entre o Tarot de Marselha e o Tarot Cigano (baralho cigano)


  • Número de cartas: Tarot de Marselha 72 cartas e Tarot Cigano 36 cartas;


  • Arcanos: no tarot cigano não há cartas de arcanos maiores (falaremos sobre arcanos em outro artigo do Blog), e sim apenas cartas que representam os arcanos menores;


  • Disposição das cartas para leitura: tradicionalmente o tarot de Marselha deve ser lido com as cartas expostas no formato da "Cruz de Marselha" (mais abaixo coloquei uma foto de uma abertura de tarot de Marselha que eu fiz, com esta disposição de Cruz, para te ajudar a compreender);


  • Símbolos: alguns símbolos (desenhos) do tarot cigano (que é uma derivação do tarot de Marselha, lembra?), são diferentes dos símbolos presentes no tarot de Marselha. Isso porque Anne Lenormand ao criar o tarot cigano mais conhecido do Mundo, o tarot Lenormand, teve o cuidado de substituir figuras que não faziam conexão com o costume cigano/substituí-los por figuras que possuem a mesma representação contudo que tenham conexão com a cultura cigana;


  • Tempo de estrada: O Tarot de Marselha foi divulgado em 1859, e em 1978 o autor Carlos Godo publicou seu livro que ensinava o uso. Já o tarot cigano Lenormand foi divulgado pela fofa Anne Leonarmand (já tão citada neste artigo) em 1870 - ou seja, 21 anos depois do tarot de Marselha.


b) Diferenças de formas de leitura entre o Tarot de Marselha e o Tarot Cigano


  • Disposição das cartas (aspecto mediúnico): na leitura de Tarot de Marselha a tradição pede que o mesmo tenha as cartas dispostas no formato "Cruz de Marselha" (foto a seguir); Já no que diz respeito à disposição do jogo com o tarot cigano, cada tarólogo encontra sua forma de fazê-la, uma vez que o fator mediúnico é predominante sobre este tipo de leitura astral - o que confere ao tarot cigano, ao meu ver, uma baita responsabilidade pois o tarólogo que opta pela baralho cigano deve sim se dedicar à cultura holística cigana para prover conexão, antes de sair jogando tarot por aí (aliás, ninguém deve sair jogando tarot a esmo, TAROT É COISA SÉRIA);


  • Finalidades: o tarot de Marselha traz uma propriedade de leitura mais ampla e, ao meu ver, é indicado a leitura com este tipo de tarot para casos em que a pessoa busque por orientações mais amplas (como ppr exemplo: qual o meu propósito na vida ou qual é a minha conexão com o plano astral); Já o tarot cigano traz um aspecto mais direto e portanto mais terreno (no sentido de a leitura estar mais próxima do cotidiano/atitudes humanas), portanto ao meu ver está mais inclinado a sugestões para dúvidas do dia-a-dia (sugestões de orientações para melhorar o seu desempenho na área amorosa da sua vida, por exemplo);


Foto da cruz malta do Tarot de Marselha


Embora eu não seja taróloga e cartomante, (ou seja o meu jogo de tarot é 100% mediúnico), é incrível como ao estudar mais sobre o tarot para escrever artigos como este, me deparo com a forma como a minha metodologia é totalmente de acordo com os métodos de leitura de tarot (chega a arrepiar tamanha coincidência - aliás, eu não acredito em coincidências).


No jogo de tarot completo eu utilizo quatro tarots, sendo dois deles baralhos ciganos, mais o tarot de Marselha e por fim o tarot egípicio, mesmo sem sequer saber ler tarot - e fiquem a vontade para tentar me explicar como tenho mais de 750 feedbacks de pessoas de mais de 24 países no Instagram do Tarot


Espero ter te ajudado a entender as diferenças entre ambas modalidades de tarot e a se apaixonar ainda mais por esta ferramenta fantástica (independente da classificação).


Obrigada por ler!

Foi um gosto escrever para você (:

Bru

Sobre O Tarot da Bru


A Bru faz leitura de tarot mediúnico. Não é taróloga ou cartomante (e sequer mãe de Santo) - é apenas uma menina com uma missão com o seu tarot.


Neste link do Instagram do Tarot você pode ler, ouvir e assistir a mais de 750 feedbacks de pessoas de 24 países diferentes que optaram por jogar tarot com a Bru.


Conheça o jogo de tarot com a Bru

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo