Uma força chamada tarot

Aprendi com meus ciganos o poder e responsabilidade que os nossos dons nos trazem. Muito mais que uma mensagem astral, o Tarot traz alento e orientação, quando jogado de forma séria.



Foto tirada em casa, para inaugurar o meu novo tarot :)

Quando percebi que a minha mediunidade tinha tamanha força de auxílio, estendi o meu atendimento para fora das giras de nosso centro. Esta decisão demandou um bom tempo de adaptação e, para ser bem honesta, ainda me faz aprender mais a cada sessão.


Apesar de boa parte do tempo eu permanecer em stand by, dando abertura para que os meus guias possam passar suas mensagens através das cartas, quando retomo à consciência trago então a mensagem do jogo para um cunho psicológico; Há pessoas que conseguem me dizer quando sou eu e quando é a cigana, o cigano ou a senhora 7 saias falando - é interessante esta ligação do consulente, chega a arrepiar.


Com isso, a tradução do jogo para a psicologia terrena é de extrema importância, uma vez que (na maioria dos casos), as pessoas que procuram por auxílio através do tarot, estão enfrentando dificuldades em diversos graus. Por isso a veracidade e o cuidado da interpretação requer muito preparo. Como dar uma notícia ruim, por exemplo? Como dizer que a pessoa que o consulente mais ama não voltará? Me entendem?


É sabido que a vida é cheia de altos e baixos, contudo (e eu tenho certeza) o plano astral não quer apenas trazer tristes revelações à tona. Toda a consulta é regada de orientação, e cada orientação é um aprendizado tremendo.


É permitir que as entidades visitem o coração da outra pessoa consultada por intermédio do consulente. É se permitir entender o lado bom desta outra pessoa e seus motivos/ impulso que o fizeram ferir o nosso consulente. E, principalmente, repassar a orientação de forma pacífica e equilibrada. Um jogo de tarot não pode ser regido ou fazer apologia à discórdia.


Assim sendo, toda a consulta de tarô (seja ela presencial ou online) requer a sensibilidade da taróloga/ médium para propor a harmonização e boa energização para a pessoa que naquele momento precisa. Faço disso uma prática no tarot e na vida.


O jogo é efetivo quando você sai do ambiente em paz e com o astral melhor. Sentir-se assim não está relacionado apenas às mensagens que o tarô te passou, mas principalmente à forma terapêutica como nós, do lado de cá, ditamos toda a sessão.


Leia aqui os depoimentos de quem já se consultou comigo, isso ajuda a ilustrar o tema deste post.


Obrigada por ler este artigo até aqui. Que o nosso meigo Jesus abençoe os seus dia. Amém :)


106 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Whatsapp-o-tarot-da-bru-tarot-online
  • Instagram do O Tarot da Bru
  • YouTube do O Tarot da Bru
  • Spotify do O Tarot da Bru
  • Facebook do O Tarot da Bru
  • LinkedIn ícone social